A minha Índia está aqui

De Vasco Costa Marques
A minha Índia está aqui
entre as magnólias
cortada por uma velha estrada
de escremento seco
toda monumental e inconsútil
encharcada de Ganges
de doenças sagradas
deuses enormes e indiferentes
e anjos magros de lábios lilazes
tirando cursos de eunucos
por correspondência em inglês

Reservei para mim
um espaço de meio passo
entre o carro de gelados
e a entrada do templo

Sem comentários: